Como escolher o jogo de panelas

Como escolher o jogo de panelas

Escolher boas panelas para sua cozinha é sinônimo de comprar itens que durarão por anos. Além disso, o material do qual as panelas são feitas interferem consideravelmente no gosto dos alimentos. Existem também panelas que são específicas para cada refeição. Por exemplo, não é possível fazer cuscuz em uma frigideira não é mesmo?

Por todos esses motivos você precisa escolher o jogo de panelas mais adequado para o seu dia a dia. Isso é essencialmente importante, por exemplo, se você gosta de cozinhar e costuma chamar amigos e familiares para almoçar e jantar na sua casa.

Vamos agora aprender um pouco mais sobre como escolher o jogo de panelas ideal para a sua cozinha e para as suas necessidades!

Leve em conta o tamanho e quantidade

Esses são dois fatores essenciais para serem levados em conta na hora de fazer as suas escolhas. Para saber o que escolher, primeiro você precisa pensar como é a dinâmica do seu dia. Se você mora sozinho e não costuma ter muitas visitas, não faz sentido alguém comprar, por exemplo, uma panela enorme para fazer feijoada. Você dificilmente irá usá-la. Quanto à quantidade, o pensamento deve ser o mesmo.

Para quem tem uma família grande, o kit básico de panelas deve resolver:

  • 2 caçarolas, uma pequena e uma grande;
  • uma panela grande e funda de 12 polegadas;
  • para preparar panquecas, tapiocas e outros alimentos parecidos, uma panela grande e rasa de 12 polegadas;
  • uma panela rasa e pequena de 8 polegadas para preparar ovos, por exemplo.

Analise o custo-benefício

Na hora de comprar, levar apenas o preço em consideração é um erro. Não adianta muito comprar, por exemplo, uma panela barata que se diz antiaderente, mas com pouco tempo de uso, já perde a camada característica, tornando-se uma panela comum. Portanto, antes de comprar analise bem o material, o design e outras características que possam favorecer o cozimento os alimentos.

Conheça os materiais

Saber de qual material é feita a panela e para que finalidade ele serve é de fundamental importância na hora da compra. Vejamos agora um pouco sobre cada material e qual tipo de alimento é mais indicado para cada um deles.

  • Cobre: esse material conduz muito bem o calor e, portanto, os alimentos cozinham muito mais rápido. Há alguns contras como, por exemplo, ser difícil de limpar e ter um custo mais elevado;
  • Inox: o material oferece um aspecto bonito e moderno. O problema aqui é que esse material não costuma conduzir e distribuir muito bem o calor. Os alimentos tendem a grudar;
  • Porcelana: é um material antiaderente e possui elevada durabilidade. Mas é preciso ter cuidado na hora da limpeza;
  • Cerâmica: o grande problema das panelas de cerâmica é que são fáceis de quebrar. Elas são excelentes para fazer arroz e bifes;
  • Teflon: apesar de ter baixa durabilidade, todos precisam ter uma em casa já que elas são antiaderentes e ideais para cozinhar certos tipos de alimentos.

Para escolher o jogo de panelas ideal é essencial conhecer um pouco sobre as principais características desses utensílios de cozinha. Se você mora sozinho, pode comprar à medida que for precisando e também vale a pena garimpar boas promoções obtendo um excelente custo-benefício.

Compartilhe estas dicas nas suas redes sociais e ajude outras pessoas!

Comentários

comments

Comentários